Sua cozinha e sua vida mais prática, com Vapza!

Como preservar os nutrientes dos alimentos

Postado por Vapza, em 21 Mar 2019 — 22h47

Muito mais do que matar a fome, a alimentação tem como objetivo suprir as necessidades do nosso corpo. Por isso, é fundamental saber como preservar os nutrientes dos alimentos e aproveitar melhor seus benefícios. Veja algumas dicas de como fazer isso:

1. Guarde verduras e legumes já higienizados

Ao chegar em casa da feira ou do supermercado, nada de colocar as verduras e os legumes direto na geladeira sem fazer uma boa higienização, mesmo no caso dos alimentos que serão cozidos.

Depois de remover raízes e talos, as folhas das verduras devem ser lavadas individualmente em água corrente. Retire folhas queimadas ou murchas e deixe as verduras submersas em uma solução de 1 litro de água com 1 colher de água sanitária por 15 minutos. Depois, passe-as em água corrente novamente e seque-as com um papel-toalha.

Frutas e legumes, por sua vez, devem ser lavados com bucha ou escova para remover qualquer sujeira visível. Em seguida, deixe-os de molho na solução de água sanitária por 30 minutos. Depois desse intervalo, seque-os com papel-toalha ou um pano de prato limpo.

2. Armazene corretamente os alimentos

Para preservar os nutrientes dos alimentos, você deve observar a melhor forma de armazenar cada um deles – não adianta colocar todos os produtos dentro de uma sacola e deixar na geladeira. Veja como fazer:

  • Folhas: depois que estiverem bem secas, coloque-as dentro de uma vasilha com tampa, intercalando cada uma com uma folha de papel-toalha, e armazene na gaveta inferior da geladeira;

  • Frutas e legumes: para evitar que eles ressequem com as baixas temperaturas do refrigerador, embale-os em papel-toalha ou plástico-filme depois da higienização;

  • Alimentos cozidos: arroz, feijão, carnes, aves e outros alimentos já cozidos devem ser guardados em recipientes bem fechados e levados à geladeira no máximo duas horas depois do preparo.

3. Faça o branqueamento dos legumes antes de congelar

O congelamento aumenta o tempo de vida dos alimentos, mas nem todos os legumes mantêm seus nutrientes e suas características de sabor, cor e textura durante esse processo. Uma forma de reduzir essas perdas é por meio do branqueamento, uma técnica que consiste em dar um choque térmico no alimento antes de congelá-lo.

Depois de higienizar, descascar e cortar os legumes no formato e tamanho desejados, coloque-os em água fervente para escaldar por 30 a 60 segundos. Em seguida, retire-os da panela e mergulhe-os em um recipiente com gelo e água fria para interromper o cozimento.

Escorra bem a água e seque os legumes branqueados com um papel-toalha. Coloque-os em saquinhos individuais para congelar, retirando o máximo de ar possível da embalagem.

Lembre-se de que nem todos os legumes reagem bem ao congelamento: a batata e a abobrinha, por exemplo, perdem sua textura mesmo se forem branqueadas.

4. Cozinhe os alimentos com pouca água

Uma dica importante de como aproveitar os nutrientes dos alimentos é cozinhá-los com pouca água, pois boa parte das vitaminas e sais minerais acaba se dissolvendo e indo embora com o descarte do líquido.

Dessa forma, é melhor dar preferência ao cozimento no vapor quando um legume não puder ser consumido cru, evitando que ele passe muito tempo mergulhado.

5. Prefira alimentos orgânicos

Além de serem livres de agrotóxicos, fertilizantes artificiais e outros aditivos, algumas pesquisas demonstraram que os alimentos orgânicos são mais nutritivos do que suas contrapartes convencionais, apresentando um teor mais elevado de vitaminas, minerais e antioxidantes.

Uma das possíveis explicações para esse fenômeno é que, sem o uso desses aditivos químicos, as plantas naturalmente produzem mais substâncias (nutrientes) que as ajudam a se defender do ataque de microrganismos e insetos.

Outra hipótese que justificaria esse fato é que os próprios fertilizantes artificiais reduziriam a concentração de nutrientes em um alimento. Como esses insumos aumentam a velocidade do desenvolvimento das plantas, elas crescem aculumando mais água, reduzindo seu teor de nutrientes em comparação a uma planta menor.

Como a Vapza ajuda você a preservar os nutrientes dos alimentos

Embora seja essencial saber como aproveitar os nutrientes dos alimentos, é preciso admitir que, muitas vezes, não há tempo para fazer compras toda semana ou para lavar, descascar e branquear frutas e hortaliças.

Se esse é o seu caso, saiba que os alimentos Vapza ajudam você a preservar os nutrientes ao mesmo tempo em que oferece muita praticidade no seu dia a dia, pois eles são semiprontos. Conheça as vantagens dos produtos Vapza:

  • Alimentos prontos para o consumo: os produtos Vapza já vêm higienizados, cortados e cozidos, então você só precisa tirar da embalagem e finalizar seu prato;

  • Cozimento no vapor: os alimentos são cozidos no vapor dentro da própria embalagem selada a vácuo, sem que haja contato com a água e perda de nutrientes;

  • Sem necessidade de refrigeração e congelamento: como os produtos são esterilizados, eles preservam suas características por meses fora da geladeira, sem o uso de conservantes, reduzindo a perda de nutrientes;

  • Alimentos orgânicos: a Vapza conta com a Linha Orgânico, que oferece alimentos como arroz integral, feijão carioca, feijão preto, quinoa e peito de frango desfiado, todos eles sem o uso de aditivos químicos durante sua produção.

Além disso, como a Vapza entrega em todo o Brasil, você pode fazer sua encomenda online e receber os produtos diretamente na sua casa. Assim, você tem muito mais praticidade quando o assunto são dicas de como preservar melhor os nutrientes.

Fonte(s): Dicas de MulherMinha VidaJornal O ExtraTua SaúdeG1Organics Net e Youblisher

Confira também...

Conheça nossas Linhas de Produtos