Sua cozinha e sua vida mais prática, com Vapza!

Carne suína é saudável? Conheça os benefícios da carne de porco

Postado por Vapza, em 30 Nov 2018 — 15h37

A carne de porco ainda é vista com desconfiança por algumas pessoas, mas está mais do que na hora de esclarecer as dúvidas: na verdade, a carne suína é saudável e pode fazer parte de uma alimentação equilibrada e até mesmo de uma dieta de emagrecimento.

Dependendo do corte e do modo de preparo, esse alimento pode ter mais benefícios que a carne bovina ou de frango, que ainda são vistas como opções mais saudáveis. Além disso, a carne suína é muito versátil e saborosa, podendo ser servida como prato principal ou participar de inúmeras receitas.

Conheça os principais benefícios da carne de porco e saiba por que ela deve marcar presença no seu prato com mais frequência:

1. A carne suína de hoje é muito mais saudável do que antigamente

Nos últimos 20 anos, a suinocultura passou por grandes avanços, os quais resultaram em um alimento com menos gordura e calorias e maior concentração de nutrientes importantes na dieta humana.

Se antes o rebanho de suínos era criado solto e se alimentava de lavagem, hoje em dia os animais são mantidos em instalações modernas e higiênicas, recebendo uma alimentação balanceada composta por ração à base de cereais como milho, trigo, cevada e farelo de soja – eliminando o risco de doenças parasitárias quando a carne é bem cozida.

Somando-se os avanços na criação com o melhoramento genético, o resultado foi o desenvolvimento de um animal denominado tecnicamente como “suíno”, e não mais “porco”, com menor teor de gordura e maior quantidade de massa magra.

Além disso, o peso médio de um animal para o abate passou de 300 kg para 90 kg no decorrer dos anos. Dessa forma, a carne suína de hoje apresenta uma diminuição de 31% na quantidade de gordura, 14% no total de calorias e 10% do colesterol em relação à década de 1990.

2. Alguns cortes podem ser menos gordurosos do que o frango e a carne bovina

Além de ter uma menor quantidade de gordura do que no passado, a carne suína consumida hoje em dia pode fornecer um teor menor desse nutriente em relação a outras fontes de proteína animal.

Os cortes suínos mais magros são o lombo e o pernil. Quando assados, uma porção de 100 g de cada um deles fornece, respectivamente, cerca de 6 g e 14 g de gordura, enquanto a mesma quantidade de sobrecoxa de frango assada com pele contém 15 g, a picanha oferece 20 g, o cupim tem 23 g e a costela bovina, 28 g.

3. A carne suína está entre as proteínas animais com menor quantidade de colesterol

Dependendo do corte, a carne suína pode ter menos da metade do colesterol em relação ao frango, à carne bovina e até mesmo a alguns peixes e frutos do mar. Compare o conteúdo dessa gordura em uma porção de 100 g de diversos tipos de proteína animal:

  • Bisteca suína grelhada – 82 mg
  • Peito de frango grelhado sem pele – 89 mg
  • Miolo de alcatra sem gordura grelhado – 92 mg
  • Picanha sem gordura grelhada – 100 mg
  • Contrafilé sem gordura grelhado 102 mg
  • Lombo suíno assado – 103 mg
  • Filé mignon bovino sem gordura grelhado – 103 mg
  • Pernil suíno assado – 110 mg
  • Bacalhau refogado – 112 mg
  • Patinho sem gordura grelhado – 126 mg
  • Pintado assado – 126 mg
  • Coxa e sobrecoxa assadas sem pele – 145 mg
  • Camarão rio-grande cozido – 241 mg
  • Coração de frango assado – 280 mg
  • Fígado bovino grelhado – 601 mg

Dessa maneira, conforme a escolha do corte, a carne suína pode ser mais saudável do que as demais, pois o acúmulo de colesterol nas artérias eleva os riscos de problemas cardiovasculares como infarto e derrame.

4. A carne de porco é rica em proteínas de alto valor biológico

Alguns cortes de carne suína apresentam uma quantidade maior de proteínas do que o frango e a carne bovina. Uma porção de 100 g de lombo suíno assado, por exemplo, fornece 36 g de proteína, enquanto a mesma quantidade de coxa de frango e fraldinha oferecem, respectivamente, 15 g e 24 g desse nutriente.

Além disso, as proteínas da carne suína apresentam alto valor biológico. Isso acontece porque, em relação à carne de outros animais, ela fornece um conteúdo maior de aminoácidos essenciais, ou seja, aqueles que não são produzidos pelo nosso organismo e precisam ser obtidos pela alimentação.

5. Ela contém excelentes quantidades de vitaminas e sais minerais

Outro motivo para a carne suína fazer parte da sua alimentação é que ela é rica em micronutrientes fundamentais para o bom funcionamento do organismo, por exemplo:

  • Vitaminas do complexo B: necessárias para o desempenho adequado das funções cerebrais e do metabolismo das gorduras e carboidratos;
  • Potássio: evita a pressão alta, previne doenças cardiovasculares, contribui para o bom funcionamento dos rins e colabora com a saúde mental e muscular;
  • Ferro: mineral imprescindível para possibilitar o transporte de oxigênio pelo sangue e evitar a anemia;
  • Selênio: tem um grande poder antioxidante, contribuindo para a prevenção do envelhecimento precoce, de doenças cardiovasculares e do câncer;
  • Zinco: necessário para o fortalecimento da imunidade e para o crescimento de unhas e cabelos.

Sabor, variedade e praticidade

A carne de porco tem um sabor marcante, mas ela é muito versátil e combina com diversos tipos de acompanhamento, desde arroz até molhos adocicados ou que levam frutas no preparo.

Além de ser servida como prato principal, ela pode ser usada como recheio de sanduíches, empadas, tortas e o que mais você desejar. E para deixar tudo ainda mais prático, a dica é utilizar a carne suína desfiada da Vapza, que já vem cozida e pronta para participar das suas receitas.

Agora que você já descobriu que a carne suína é saudável, saiba que você pode adquirir esse produto pela nossa loja online, recebendo-o diretamente na sua casa. Assim, você aproveita todos os benefícios desse alimento e ainda ganha tempo no seu dia a dia.

Conheça nossas Linhas de Produtos