Alimentação Saudável POR Vapza - 22 Mar 2018 — 14h24

8 dicas de alimentação para a chegada do outono

dicas-de-alimentacao-como-se-alimentar-outono


A nova estação está prestes a chegar e, com ela, chega também a necessidade de fazer algumas mudanças para manter a saúde em dia. Pensando nisso, preparamos algumas dicas de alimentação no outono para que você se mantenha longe das doenças mais comuns desta época.

O conforto de uma estação com temperaturas mais amenas, a possibilidade de explorar mais looks do seu armário e a tentação de comer fondue com um bom vinho são algumas vantagens do outono, mas é preciso alinhar tudo isso com uma dieta que ajude seu corpo a funcionar corretamente.

Isso porque, com temperaturas mais baixas e o ar mais seco, o outono apresenta uma tendência maior a causar desidratação de mucosas e do organismo em geral, acúmulo de gordura e até problemas respiratórios, os quais podem ser evitados com alguns cuidados. Conheça oito dicas para aproveitar essa estação sem preocupações:

1. Consuma alimentos ricos em vitamina C

Alimentos que possuem alta concentração de vitamina C têm o poder de te ajudar na prevenção de doenças infecciosas do sistema respiratório, reduz as chances de anemia ao favorecer a absorção de ferro e aumenta sua imunidade, deixando você mais resistente às variações climáticas da estação.

Além disso, a vitamina C tem ação direta na cicatrização de feridas (ajudando a combater os lábios rachados), no fortalecimento dos fios de cabelo e no bom funcionamento da circulação sanguínea.

Por isso, uma das principais dicas de alimentação no outono é aumentar o consumo de frutas como laranja, limão, goiaba, caqui e maracujá, justamente por oferecerem essa vitamina e serem facilmente encontradas nesta época do ano, muitas vezes por preços mais baixos.

2. Aqueça-se com sopas à base de legumes e proteínas magras

As sopas são uma ótima opção para você ingerir nutrientes variados de uma única vez sem ficar com a sensação de estômago pesado – isso sem falar que elas ajudam a aquecer o corpo todo! 


Para prepará-las, você pode misturar carboidratos bons (como os grãos integrais), proteínas magras e um verdadeiro leque de legumes, diversificando as vitaminas e os minerais ingeridos.

As sopas são uma ótima pedida para o jantar depois de um dia estressante de trabalho ou para encontros mais tranquilos, já que elas também são reconfortantes e vão te ajudar a recuperar as energias de uma forma mais relaxante e proveitosa.

3. Aproveite frutas e vegetais da estação

Consumir alimentos da estação é muito vantajoso para o organismo, pois suas concentrações de vitaminas e minerais são mais altas nessa época do ano. Além disso, você ainda economiza, pois a grande oferta faz com que os preços caiam.

Assim, aproveite o outono para consumir verduras e legumes como abobrinha, abóbora, agrião, batata-doce, berinjela, beterraba, chuchu, espinafre e repolho. Em relação às frutas, este é o momento de investir no abacate, banana, carambola, figo, goiaba, maçã, pera e tangerina.

4. Evite alimentos muito gordurosos ou calóricos

Com a chegada do frio é normal que se queira comer mais, principalmente comidas mais pesadas como massas, carnes e sobremesas de tirar o fôlego com a quantidade de chocolate. Claro que isso não é nenhum pecado, pois há espaço para todos os alimentos.

No entanto, você deve ficar atenta para não exagerar e acabar ganhando muito peso extra, que geralmente vem acompanhado por uma série de problemas como aumento do colesterol, diminuição da disposição e até problemas de confiança e autoestima.

Equilibre sua alimentação sem se restringir de nada. Uma quantidade moderada de cada alimento vai fornecer os nutrientes necessários e garantir um equilíbrio em sua dieta para o outono, sem que você precise se privar das tentações desta época.

5. Hidrate-se com água, chás e sucos

As temperaturas podem estar mais amenas, mas isso não significa que você pode descuidar da quantidade de líquidos ingerida diariamente. Se você tiver dificuldade para tomar água, outras opções interessantes são os sucos e chás, de preferência orgânicos e preparados no momento em que você for beber.


Algumas opções são os chás de maracujá, maçã com canela, frutas vermelhas e chai. Todos eles ajudam a hidratar o organismo, contêm antioxidantes e outras substâncias que favorecem a saúde e ajudam a aquecer o corpo a qualquer momento do dia.

Já os sucos podem ser feitos com as frutas da estação e devem ser consumidos preferencialmente sem açúcar ou adoçante. Os sucos industrializados devem ser evitados, pois são repletos de aditivos químicos e não oferecem vitaminas e minerais em quantidade relevante.

6. Invista nas frutas com alto poder de hidratação

Além de beber muito líquido, consumir frutas também vai te ajudar a manter seu corpo hidratado. Nessas horas, dê preferência a frutas com alto poder de hidratação, como melancia, pêssego, framboesa, morango, melão e abacaxi.

Como as opções são variadas, inclua cada fruta de acordo com seu gosto e rotina, variando o cardápio e sempre deixando a refeição ou lanchinho mais apetitoso para você. Fazer uma salada de frutas pode ser uma alternativa deliciosa e muito saudável.

7. Consuma alimentos que deem mais saciedade

No outono, principalmente em seu início, é comum que você sinta fome mais vezes ao dia e com mais intensidade. Isso acontece porque a temperatura mais baixa do ambiente exige um maior gasto calórico do organismo para se manter aquecido.

O truque para driblar esse efeito é consumir alimentos ricos em fibras, que vão te dar a sensação de saciedade por mais tempo. Alguns bons exemplos são abacate, abobrinha, abóbora, banana, batata-doce, figo e repolho. 

8. Dá para comer chocolate e ainda se beneficiar dele

Se você não consegue ficar longe dessa guloseima, inclua pedaços de chocolate meio amargo ou aqueles ricos em cacau em sua dieta, pois essas versões são uma ótima fonte de energia e magnésio se consumidas de forma moderada.


Com todas essas dicas de alimentação no outono, você já pode começar a pensar em quais delícias você vai comer para aproveitar os próximos meses sem deixar de lado o cuidado com o corpo e, principalmente, a manutenção de sua saúde.

VEJA TAMBÉM

Outras Postagens

Vapza Social
SIGA A VAPZA EM SUAS REDES SOCIAIS!
ASSISTA AO NOSSO VÍDEO INSTITUCIONAL
CONHEÇA O NOSSO PROCESSO PRODUTIVO!